27 December 2013

Filme: Adventureland

      Esse filme se passa em uma cidadezinha no interior de New York, e James Brennan acaba de se formar no colégio, e já está pronto para ir pra faculdade no próximo ano.
      Quando recebe a notícia de que seu pai não poderá mais o ajudar com todas as despesas da faculdade, James fica bastante decepcionado e com medo da ideia de que terá que trabalhar o verão todo para tentar amenizar os gastos.
      Depois de fazer muitas entrevistas, ele até que enfim é aprovado em uma. Só que foi aprovado na pior das suas hipóteses, onde não queria trabalhar de jeito nenhum, que é em um parque de diversão. James percebe que anos e anos de muito sacrifício e de muito estudo, não o ajudarão em nada.
      Assim que começa a trabalhar, ele conhece Emily Lewin (Em), outra funcionária do parque. E é claro que ele se apaixona a primeira vista por ela. Mas o que ele não sabe, é que a garota por quem está gostando e se envolvendo cada vez mais, esconde muito mais coisas do que ele sabe.




   "Férias Frustradas de Verão", esse é título brasileiro, e não preciso nem comentar nada sobre o que acho dessa tradução horrenda né?
   Comprei esse e pelo menos outros dois filmes somente pela Kristen Stewart, e não tenho vergonha de confessar isso. Sempre que ver seu lindo nome em algum elenco, vou correr pra ver o filme, mesmo sendo de um gênero que não gosto.
      Enfim...



   Sobre esse casal abaixo (os donos do parque), me pareceu que a produção e os diretores "tentaram" fazer uma coisa engraçada, mas não deu certo e se teve alguma coisa com a qual eu ri, com certeza não foi com eles. Eram piadas sem graças e aquelas coisas e gestos americanos que a gente tanto está acostumado. Não sei se foram os atores ou foi o próprio roteiro mesmo, mas pra mim não colou.





   Esse sim me tirou várias risadas. O nerd que agindo normalmente, é engraçado. O que faltou no casal acima, tem de sobra em Joel, que foi interpretado por Martin Starr. Até me atrevo a dizer que foi um dos meus personagens preferidos do filme. Ele é o nerd que nunca ficou e nunca beijou nenhuma menina, mora com a mãe, ajuda em casa, foi enganado por uma menina e teve seu coração quebrado por isso. E que ainda sim, é engraçado mesmo sem querer. Esse papel merece bastante destaque.








   Realmente é muito estranho ver Kristen Stewart atuando em outra personagem a não ser a Bella Swan. Sempre que vejo algum filme dela - mesmo sendo mais antigo do que a saga Crepúsculo - fico com aquela sensação nostálgica de que aquele rostinho se remete a outra história. E quando é par romântico, sempre fico meio "PARE! Você é do Sr. Cullen!". Mas enfim, como sempre, achei uma ótima atuação e esse casal foi bem legal de ver, não foi forçado e acho que combinaram bastante.



     Também gostei e acho que vale a pena ressaltar o estilo do filme, que é simples, nostálgico e se passa em 1987. E quando falo simples, é simples mesmo. Quando você vê ele, o tempo se passa rapidamente, sem nenhuma emoção ou clímax final de filme, e com certeza isso era pra ser um ponto negativo. Era! Porque esse ponto é uma coisa que só Adventureland consegue fazer e ainda sim surpreender o telespectador.

      É um filme já bem antiguinho, mas muito melhor do que muitos da atualidade. É inspirador e gostoso de ver. 
    E definitivamente, eu quero uma camisa com "Games games games games games" estampada!


      É com um super prazer que deixo seu trailer aqui, e espero que vejam e logo após corram para ver o filme!


"O filme demonstra bem que crescer é algo completamente natural. Não adianta traçar planos ou tentar se forçar a isso."


1 comment:

  1. Não conhecia o filme, mas realmente não faz meu estilo, não assistiria. Não sabia que a Kristen estava atuando nele, legal!

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ReplyDelete