10 April 2015

Resenha: Orion - O Filho das Trevas

Sinopse: Fabio Flores tem dois melhores amigos a quem ele confia todos os seus segredos, inclusive seu amor não correspondido por sua melhor amiga, a bela e meiga Cecília, a namorada do seu maior desafeto e o aluno mais rico e popular do colégio: Luciano Albuquerque. A história de Fabio começa a tomar novos rumos após um terrível acidente em sua vida, levando-o a largar os estudos e os amigos passando a viver uma existência miserável. No auge de sua depressão, ele conhece um homem misterioso que lhe faz uma proposta tentadora. O jovem, então, se depara com um mundo sobrenatural que não imaginava existir, cheio de surpresas e perigos. Em meio a tantos novos e importantes desafios, Fabio precisará fazer uma escolha essencial entre em quem ele se transformou e quem realmente é – o que poderá custar não somente a sua vida, mas também a das pessoas a quem ama.
Skoob

RESENHA
   Neste livro, acompanhamos a história de um jovem que está a um passo de ter sua vida mudada completamente e drasticamente. Vamos lá!
   Fábio Flores é um jovem cuja sua única família é o seu pai, Jorge que faz o possível e o impossível para sustentar seu filho. Ele trabalha em dois empregos e mal sobra tempo para dedicar-se à Fábio., porém o jovem que é muito inteligente, não o julga, totalmente ao contrário, ele compreende seu pai e usa os obstáculos como motivação para se dedicar ainda mais aos estudos, e já que é bolsista em uma das escolas particulares mais conhecidas do Rio de Janeiro, isso não é tão fácil assim. Mas apesar de tudo, Fábio se destaca com suas notas altas diante todos os alunos ricos e mimados, o que faz alguns alunos morrerem de inveja do pobre menino que se mistura a juventude nobre da cidade.
   Como todo menino a juventude a flor da pele, Fábio tem como grande amor de sua vida Cecília, porém a mesma namora Luciano, o garoto mais popular da escola e que tem uma desavença e um certo ódio contra Fábio, já que ele mesmo sendo pobre consegue tirar notas sem o mínimo de esforço enquanto Luciano usa todos os seus recursos e mesmo assim não consegue superar seu arqui-inimigo.
   A vida de Fábio muda quando ele deixa seus dramas da juventude, como o seu amor secreto por Cecília, a rivalidade de Luciano, superar o preconceito de todos os alunos quando em um acidente, seu pai entra à sua frente para que Fábio não seja acertado por um carro em alta velocidade. Nisso, temos um jovem que vê sua única família sendo destruída, pois minutos após o acidente, seu pai vem a falecer.
   Alguns dias depois, o jovem ainda não se conforma e não aceita a ideia de que está sozinho no mundo apesar de seus amigos estarem dando conforto, ele simplesmente não consegue acreditar que a vida de seu pai, a pessoa mais bondosa que já conhecera no mundo, fora tirado dele.
   E é quando ele está tomado pelo luto e pela vingança que aparece Sammael, um homem tão misterioso a ponto de só Fábio conseguir vê-lo. Intrigado com isso, ele sente-se atraído por todo esse mistério e resolve se aventurar em um mundo que Sammael está prestes a mostrar ao jovem.
   A partir daí, é questão de pouco tempo para ele estar envolvido nesse novo mundo do qual nunca imaginaria sequer existir. Dado como morto pela angustia, Fábio volta a vida com um novo nome: Orion. E Orion é praticamente uma outra pessoa, um ser não humano dominado pela maldade mas com resquícios ainda humanos, e que precisa da essência da vida humana para sobreviver, o sangue. Dotado de poderes supernaturais, e a cada dia que passa descobre ainda mais poderes, o jovem vampiro nos levará a uma aventura fascinante entre combater o verdadeiro mal e ainda tentar proteger seus antigos amigos.

   Antes de mais nada, essa é a primeira parceria do blog então não poderia deixar de começar dizendo o quão feliz e realizado fiquei quando recebi um "sim" de parceria de um autor nacional, mas sobre a parceria, falaremos disso mais tarde... 

   Logo no prólogo já me senti preso a história, pois a forma como o mistério de poucas páginas e sua escrita é tão assustadora que fizeram uma junção espetacular sobre a premissa do livro.

   O enredo... No início no primeiro capítulo já senti a crítica à sociedade em que o autor faz. Preconceito, corrupção, adolescentes mimados que acham que tudo vai ser resolvido com o dinheiro de seus pais, drama de famílias tão ricas que as vezes esquecem que seus filhos merecem uma educação com princípios de humildade e com a falta disso, as crianças crescem e se tornam "artificiais". E com isso, também vemos Fábio que já está farto de toda essa sociedade em que vive que está a ponto de chegar ao seu limite, respondendo com violência sobre esses preconceitos ao qual sofre.

   O livro me fez pensar muito na desigualdade em que existe atualmente, porque cá entre nós, o início do livro é apenas um relato real sobre onde vivemos. Nós andamos de ônibus, temos dificuldades, às vezes podemos ser financeiramente melhor ou pior do que algumas pessoas, mas que no final de tudo isso somos apenas seres humanos sem diferença alguma. Por isso gostei bastante desse livro, por ser nacional o autor conseguiu descrever com bastante detalhes que enfrentamos à nossa volta.

   Vamos voltar ao enredo da história... Todo esse inicio e apresentação do livro parece ser apenas mais uma história adolescente em meio a tantas que existem por aí, mas ao ler, você passa a se identificar com tudo e com a escrita, que é questão de tempo para você se introduzir na história e ficar revoltado com os acontecimentos. (como foi que aconteceu comigo.)

   Os personagens... Fiquei muito admirado como o autor conseguiu descrever nos personagens todos os defeitos e qualidades humanas que todos nós temos, ele expõe tudo isso de uma forma tão nítida que você fica surpreso ao comparar aquilo com a sua realidade, com a forma que seus amigos agem, a forma como você é com sua família e com os sentimentos que você sente.
Acompanhamos também como a humanidade de uma pessoa pode ser tirada em questão de segundos, e sendo fantasia ou não, isso pode acontecer com cada um de vocês.

   A narrativa... O livro é composto por uma narrativa em terceira pessoa, então como ponto positivo, podemos observar a história de vários pontos de vista. Também essa narrativa numa hora nos fornece detalhes incríveis de sensações e momentos humanos e noutra acontece tudo rápido e você tem que ler e reler determinadas páginas para absorver toda a aventura. Mas isso não foi um ponto negativo, ao contrário, é como se o autor fizesse isso de propósito para instigar o leitor a continuar lendo e usar essas aventuras como longas reflexões.

   A escrita... Sabe, acho que um dos prazeres em ler livros nacionais é que você consegue sentir o sotaque e a cultura do autor através de sua escrita. Com esse livro foi a mesma coisa, consegui distinguir o sotaque carioca de Rodrigo Kilzer e em algumas vezes dei muitas gargalhadas com gírias das quais aqui na região em que moro nós não à usamos.
   Quando se lê muitos livros estrangeiros você se acostuma com uma determinada tradução dependendo da editora, que você mesmo chega a um certo ponto de se sentir "engessado" com todas as escritas do livro que lê, e ler esse livro foi o empurrãozinho que faltava para eu reservar mais lugares da minha estante para livros nacionais.

   A mitologia... Você já deve estar cheio de ler sobre vampiros e coisas desse tipo, mas particularmente, achei que o Rodrigo criou uma mitologia bem legal e conseguiu descrever a transição que é quando um humano se torna vampiro (se é que é possível)... Ele descreve isso de uma forma brutal e sinistra que em alguns momentos fiquei assustado. Mas também mesmo assim ele preserva uma parte da humanidade do vampiro, porque em meus conceitos, vampiros também são metade-humanos não é? Afinal, antes de se tornarem esse ser, tiveram uma vida humana.

   O livro leva com muito orgulho 4 diários!

   Ah, e não menos importante, não poderia deixar de falar aqui sobre a menção em que o autor faz ao Ballet. ~que eu amo muito.
   Ele descreve o mundo por trás dos palcos exatamente como ele é! Vejam:
"Bom não é o suficiente para o balé. O balé tem que ser espetacular. É isso o que as pessoas pagam para assistir. Um espetáculo."

   Agora, sobre a parceria, clique aqui para visualizar o post dedicado ao autor. Lá também você vai encontrar o link do primeiro capítulo do livro, as redes sociais e duas opções de links para comprar o exemplar. 
  Mais uma vez falo que fiquei super feliz quando recebi o livro, para todo blogueiro ter parcerias diretamente com o autor é uma grande fonte de motivação para que continuemos fazendo o nosso trabalho.
   Junto ao livro, ele também mandou marcador de página de seu livro, e os dois autografados! Vejam só:


   E o post chega ao fim, mas antes vou mostrar à vocês alguns quotes e marcações que fiz ao longo da leitura. Basta clicar em cima da imagem para ver em uma resolução maior e se deliciar com essas frases da qual gostei muito.




 Espero que tenham gostado dessa super resenha e que fiquem feliz por essa conquista que o blog conseguiu... 
Até mais Ledores!

6 comments:

  1. Oi Juliano, queria estar participando mais por aqui, mas as provas da faculdade estão chegando e aí haja tempo pra fazer tudo.... Gostei muito da resenha, a obra me chamou bastante atenção, e a parte visual também teve um cuidado especial não é? Que ótima parceria!
    http://coisasdeumleitor.blogspot.com.br/

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oi Jonatan, nosmal, essas coisas acontecem! aahah
      Esse livro é todo trabalhado graficamente, embora seja simples, tem um charme muito atraente. Obrigadão!
      Até mais!

      Delete
  2. Olha eu gostei bastante da sua resenha, mas até hoje eu não tive muito interesse ainda de ler esse livro, embora eu vejo muitos comentários positivos sobre o livro. Mas apesar disso, vou ver se dou uma chance para leitura assim que puder. Gostei bastante do desenvolvimento do livro. Muito mesmo, mas vou pensar se pegarei para ler. Parabéns viu ?

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/04/resenha-as-cores-do-entardecer.html

    ReplyDelete
    Replies
    1. Fico muito feliz que tenha gostado da resenha Silvana! Dê uma chance para o livro sim, ele pode te surpreender. Obrigadão.
      Beijos.

      Delete
  3. Gente, preciso urgente parar de ler resenhas em especial as suas. Vou acabar tento que escolher entre ler e comer, suas resenhas me deixam com muiiitaa vontade de ler *___*
    Parabéns!!!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oi Camila! Ahahahah, fico muito muito muito feliz por fazer alguém ter essas reações com as resenhas que escrevo. Isso me motiva e me inspira muito.
      Muito obrigado, beijão!

      Delete