15 August 2013

Resenha: Jane Austen, A Vampira

    Jane Austen não morreu, uma das autoras com os livros mais vendidos do século XVIII está viva e mora em uma cidade no interior de Estados Unidos.
    Na época, com a morte de sua família, Jane foi seduzida por um Lorde vampiro e transformada. A partir daí adotou o nome Jane Fairfax. E com uma livraria, vive como humana nos tempos de hoje.
    Jane não perdeu o hábito de escrever, e com o livro Constance, titulado por sua nova identidade, ela sonha em o publicar. Depois de mandar seu novo romance pra vários editores e receber muitas rejeições, eis que Kelly enfim resolve publicar seu livro.
    Sua vida parece estar perfeita, com sua melhor amiga Lucy trabalhando ao seu lado, seu namoro com Walter e seu livro fazendo sucesso, Jane se sente feliz. Até que Byron, o seu criador reaparece dizendo que quer Jane de volta e fará tudo para que isso aconteça.
    Quase no lançamento de seu livro, Jane é acusada de plágio por Charlotte Brontë, outra autora bem conhecida que também foi transformada por Byron e que hoje adota o nome de Violet Grey. Cujo as obras de Austen e Brontë são vista como rivais. Então a partir daí, Jane leva o leitor a uma divertida viagem a esse universo literário, com personagens de outras histórias, de maneira inteligente e bem engraçada.


    Vamos ao que achei do livro...
    Pra ser bem sincero, o que realmente me atraiu nesse livro foi a capa, considero uma das mais bonitas da minha estante, e tudo no livro é legal, desde a diagramação até os detalhes e a cor das páginas. Não esperava que fosse gostar tanto, mas acabei me surpreendendo com a história.
    Realmente achei que seria mais uma dessas histórias de ficção e fantasia sobre vampiros, mas ao terminar de ler, percebi que o tema vampirismo não foi o tema foco da história, e gostei bastante disso.
    Uma das coisas que mais achei divertida no livro, foram as críticas que Jane e outros personagens fazem a alguns sucessos da atualidade, uns mesmo até levando o nome de Jane Austen ao título. E isso nos faz pensar no que autores se estivessem vivos hoje, pensariam com seus livros fazendo tanto sucesso.
    Nunca tinha lido nada a relacionado a Jane Austen, então não sei dizer se a experiência desse livro teria sido diferente se eu tivesse lido uma obra da própria Jane antes, mas confesso que nem tenho vontade de ler.
    Sobre o final do livro achei muito incompleto, ficou como um tremendo espaço branco na história que estava tão legal, e a menos que tenha uma continuação prevista, não recomendo o livro só pelo seu final, porque com certeza, todos vão ficar curiosos em saber o real desfecho como eu fiquei.

    A escrita desse autor me prendeu bastante e foi um dos fatores que me fez ler esse livro tão rápido, e o modo de ele tratar os vampiros foi bem bacana. 

1 comment:

  1. Oi, Juliano! Tudo bem?
    Vou confessar para você: depois de ver esse livro na sua caixa de correio, fiquei louca para lê-lo e acabei comprando o meu exemplar hehe Fico feliz em saber que você curtiu a estória, eu amo, amo, amo a Jane Austen, tanto como autora como personagem de outros livros e filmes, espero gostar do livro tanto quanto você. Espero que o final do livro não seja tão decepcionante assim... Bjs
    Jéssica - http://lereincrivel.blogspot.com.br/

    ReplyDelete